Crítica: 11-11-11 (2011) - Sessão do Medo

23 de abril de 2012

Crítica: 11-11-11 (2011)


"O 11º portal se abrirá e você estará fudido"

Na critica de A Lonely Place to Die eu comentei que sempre que quando o expectador cria expectativas acaba se decepcionando e quando não tem expectativa nenhuma é surpreendido. Eu não sei se eu sou do contra, mas sempre que alguém fala mal de um filme eu acabo gostando e quando todo mundo fala bem eu acabo não curtindo. 11-11-11 foi um desses casos, todo mundo malhou o filme e acabaram com todas as minhas expectativas de ver o filme, desanimei geral, ainda mais depois que a data do título passou e o filme "venceu" perdendo um pouco do entusiasmo. Mesmo assim acabei dando uma chance ao filme e acabei me supriendendo, gostei do filme e fiquei sem entender porque tanta rejeição por parte do público geral. Não que seja um ótimo filme, mas tá longe de ser ruim, pelo menos pra mim.

A história segue Joseph, um cara cético e amargurado desde que perdeu a mulher e o filho em um incêndio misterioso, desde então perdeu a fé em Deus e virou um famoso escritor. Após um acidente de carro misterioso onde ele sai vivo e os médicos dizem que é um milagre ele começa a notar o aparecimento do número 11-11 relacionados com eventos estranhos. Depois de receber uma ligação do irmão que não vê a anos ele descobre que o pai que era padre está em leito de morte e viaja para Barlecona, ao chegar começa a ver vultos e sinais todos ligados ao número 11-11, suspeitando que é um aviso de algo ruim que vira na data 11/11/11.

O filme é dirigido por Darren Lynn Bousman que dirigiu Jogos Mortais II, III e IV que também acerta na direção desse aqui. Uma das muitas criticas negativas que eu ouvi sobre esse filme é que ele é chato e arrastado e que não prende a atenção do expectador, eu achei o contrário, achei que o filme se desenvolve de forma lenta, mas prende a atenção sim, com um suspense eficiente com muitos mistérios e um enredo bem conduzido, que também tem um ótimo desfecho.

A parte dos sustos eu concordo que são desnecessários e não tem tanta função no filme, tanto que eles não tem nenhum destaque, tipo alguma coisa aparece e assusta um personagem e fica por isso mesmo, tanto que eles nem comentam ter visto algo assustador. Boa parte dos sustos não assusta, só teve uma ou duas que conseguiram assustar. O filme funciona melhor quando investe no suspense e deixa os sustos de lado, quando dá foco no roteiro e nos mistérios. Uma cena bacana que eu achei e que conseguiu assustar é aquela que o Joseph anda pela casa no escuro e vê um vulto no escuro e não consegue ver quem é, essa é uma das poucas cenas de terror que funcionou no filme.


Achei bacana o visual do filme, a fotografia despotada e escura cria um clima bacana no filme e contribui no suspense. Outra coisa que ajuda no clima é as locações, o filme se passa em Barcelona que tem uma aparência gótica.

Algo interessante e que ajudou um pouco é terem colocado atores desconhecidos para interpretarem os personagens, se tivessem colocado atores conhecidos iria tirar um pouco o foco que é o enredo, que cria mistérios e surpreende em alguns momentos, dando foco ao ocultismo.

O filme segue bem lento, mas prende a atenção, ganha mais ritmo na parte final quando o filme apresenta coisas sobrenaturais, que até então era algo sutil no filme. Na parte final as coisas ficam bem diabólicas e para melhorar o filme conta com um final surpresa bem bacana com direito a flashback no estilo Jogos Mortais pra fechar as pontas soltas, o desfecho fecha o filme de forma satisfatória e inesperada.


Alguns vão pensar o mesmo que eu pensei: "Qual a graça de ver 11-11-11 a essa altura, depois que a data do título já passou?" Nenhuma! Mas isso não faz diferença, estando na data ou não o filme vai agradar ou desagradar quem assiste por ser um filme bom ou ruim, vai depender de quem assistir. Nem vou falar se vale ou não a pena ver o filme porque eu sei que muita gente não gostou.

11-11-11 não é um filme assustador, mas tem um clima bem obscuro e tem uma história que prende a atenção, mesmo com um ritmo lento. Melhor do que alguns superestimados do ano passado como Atividade Paranormal 3 por exemplo.

Postado por: Marcelo

3 comentários:

  1. A pelo amor de Deus dizer que este filme é bom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não falei que era bom, falei que eu gostei, apontei as qualidades e os defeitos e deixei claro que muita gente achou ruim. Uma critica pra mim nada mais é que um ponto de vista e uma opinião, tá ai a minha.

      Excluir
  2. Nossa, eu adorei o filme, mas teria sido melhor não mostrar o rosto das criaturas. É um filme inteligente, quem tem preguiça de pensar não vai gostar.

    ResponderExcluir