Crítica: Contos do Dia das Bruxas (2008) - Sessão do Medo

30 de outubro de 2012

Crítica: Contos do Dia das Bruxas (2008)


O Halloween está ai pessoal! Época de ver muito filme de terror, comer doce e ver mais filme de terror ainda. Uma dica pra você que procura um filme bom e diferente pra se divertir sem compromisso nesse Halloween é o filme Contos do Dia das Bruxas, um filme diferente, mas bem legal.

O filme mostra quatro contos de terror (uns melhores que outros) que acontecem na noite do Halloween e com o tempo vão se entrelaçando entre si. Vou tentar falar um pouco de cada história sem dar spoilers.

A primeira história mostra um cara que dá um doce estragado para um garoto e o mata. Então ele leva o garoto para enterra-lo e logo percebe que pode estar sendo visto pelo seu vizinho, um eremita barbudão. Essa história é a mais curta das quatro então é a que eu vou falar menos. É a história que se desenvolve (e praticamente acaba) logo no principio do filme, e é nela que ocorre uma das cenas mais tensas do filme.

A segunda história, mostra um grupo de quatro amigas que estão indo a uma festa com o tema Halloween. Lá uma das amigas, começa a convencer outra, mais tímida que ela não pode esperar a hora perfeita e o cara perfeito para perder a virgindade, então ela resolve tentar por lá mesmo. Logo, as outras três amigas conhecem dois caras e eles vão pra um outro lugar na vã dos caras. Enquanto isso a menina tímida conhece um misterioso rapaz. Essa história, é que tem a cena mais fodona / surpreendente de todo o filme junto com algumas cenas do final, é sério, eu DUVIDO que alguém que tentou prever o final dessa história adivinhou, a não ser que alguém tenha contado.

Na terceira história, um grupo de jovens, vai passando de porta em porta pra pedir doce. Até ai tudo normal, mas o diferencial é que eles também estão roubando aboboras para um futuro ritual. De todas as quatro histórias, essa é a mais previsível de todas mas nem por isso é chata. Tem uma história dentro dessa história que também é bem foda.


Na quarta e última história, que só começa lá nos últimos 15 minutos do filme mais ou menos, o eremita que eu falei que aparece na primeira história, tem de enfrentar uma criatura bem conhecida por quem já viu o resto do filme. Essa história também é MUITO legal. É que tem mais suspense de todas as quatro.

Todo o filme é muito legal de se ver. O filme do começo até a metade é um pouco chato em algumas horas, mas com o passar do tempo o filme vai subindo até chegar no seu clímax que é a última historia com direito a cenas BEM surrealistas.

O filme conta com alguns nomes conhecidos como Jean-Luc Bilodeau (Piranha 2), Anna Paquin (Pânico 4, A Sétima Vítima e a série True Blood) e Brian Cox (Voo Noturno, O Chamado). Todos tem atuações razoáveis, como a maioria dos atores.

Um filme divertido e interessante, com histórias legais e e com suspense suficiente e cenas surrealistas e bem interessantes. Vale ser conferido nesse Halloween e visto de novo depois a qualquer época do ano. Até mais e ótimo Halloween a todos.

Postado por: Igor Afonso

3 comentários:

  1. Anônimo10/30/2012

    Esse filme é foda...bom demais.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo11/06/2012

    Muitoooo bom, vale a pena assistir

    ResponderExcluir
  3. Assisti e adorei. Realmente cada história melhor que a outra. Muito bom.

    ResponderExcluir