Crítica: Diversão Macabra (2008) - Sessão do Medo

3 de dezembro de 2012

Crítica: Diversão Macabra (2008)


Lançado pela Playarte direto em DVD em 2009 sem muita divulgação e com pouco destaque de público, "Diversão Macabra" é aquele tipo de filme que serve apenas como diversão passageira e esquecível  sendo um filme completamente descartável  mas que não chega a ser ruim, mesmo com os vários furos de roteiro e situações forçadas na trama.

Se tivesse um roteiro mais bem trabalhado com certeza seria um filme acima da média. A narrativa é criativa, mostrando três histórias distintas que no final se juntam e fecham o filme. Cada história é focada em uma personagem, cada uma em situações diferentes e variando de tema, a única coisa que liga as histórias é o assassino que aparece em todas elas fazendo um jogo doentio com cada uma das personagens que eram suas amigas de infância. O tal assassino planeja cada jogo a fim de fazer um tipo de pegadinha mortal com as vitimas.


Esse lance do assassino fazer uma armadilha parecendo uma espécie de pegadinha mortal é criativa e o filme surpreende e te pega de surpresa em alguns momentos, mas os furos de roteiro incomodam. Não teria como nenhum ser humano planejar nada daquilo, a não ser quê pudesse ver o futuro. Os eventos que ocorrem durante cada uma das histórias são muito forçados. A primeira história surpreende e é completamente imprevisível, além de ter um desfecho surpresa muito criativo, mas quando acaba você percebe os vários buracos de roteiro. Se você não ligar para nada disso pode até se divertir.

A segunda história focada na protagonista Tabita (a gatissima Katheryn Winnick, também protagonista de Hellworld - Mundo do Inferno) é a melhor do filme, envolvendo um palhaço, uma babá e duas crianças. As tais histórias duram em torno de 25 minutos cada e parecem curtas metragens.


O filme sai do lugar comum e consegue se destacar em alguns momentos. Aquele lance do assassino poder ser qualquer um e estar em qualquer lugar é o ponto alto do filme. É muito foda quando aparece um personagem que você julga ser uma vitima do assassino para mais tarde descobrir que fulano é o próprio assassino fingindo ser outra pessoa, isso acontece várias vezes no filme e sempre funciona e te pega de surpresa.

A forma como o filme se desenrola e a narrativa lembra muito Contos do Dia das Bruxas, pequenas histórias relacionados apenas por alguns detalhes que mais tarde se juntam e formam uma história completa.

Os atores não se destacam, mas também não chegam a comprometer em nada o filme. O melhor é o ator que interpreta o assassino sádico e camaleão.


O filme perde força na terceira história e volta a ganhar ritmo na parte final. Final esse que é uma cópia cara de pau dos filmes da série Jogos Mortais, tanto o cenário, quanto os eventos, mas isso não chega a incomodar. O desfecho é tão rápido que chega a ser decepcionante.

Diversão Macabra é isso que eu comentei um filme que serve como diversão passageira e esquecível, mas que tinha potencial para ser um filme acima da média. Não vou dar detalhes da trama nem dos vários buracos no roteiro para não entregar spoilers.

Se você não é exigente e procura apenas um filme qualquer para assistir num dia entediante pode se arriscar com esse.

Postado por: Marcelo

11 comentários:

  1. Vou conferir, nem sabia da existência deste filme.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo1/02/2013

    Vale a pena conferir, possui momentos interessantes e que prendem a atenção.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo3/27/2013

    Bom...Eu gostei do filme...Mais achei meio confuso algumas partes...O final é meio...como posso dizer...decepcionante...Eu esperava mais do final...Mais é um filme bom vale a pena assistir =)

    ResponderExcluir
  4. Anônimo7/09/2013

    assistir jaja lol

    ResponderExcluir
  5. Eu gostei, apesar de não entender muita coisa no começo, como na parte do caminhão que a moça pede socorro e tal... Mas gostei do desfecho.

    ResponderExcluir
  6. Anônimo6/13/2014

    Poooxan, esse filme ai é assustador galera??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não nem um pouco é mais suspense do que terror

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  7. Anônimo6/14/2014

    gostei bastante , apesar de n assustar muito

    ResponderExcluir
  8. Anônimo8/13/2014

    eu gostei ñ da muito medo mas os meninos gritavam igual umas meninas ashuashauashua

    ResponderExcluir