Evil Dead recebe classicação indicativa - Sessão do Medo

28 de janeiro de 2013

Evil Dead recebe classicação indicativa


Finalmente foi revelada a classificação indicativa do aguardado remake do clássica The Evil Dead.

"Com muito orgulho conseguimos uma classificação NC17 no primeiro corte, mas tivemos que cortar algumas coisas para conseguir classificação R e lançá-lo nos cinemas", afirmou o diretor Federico Alvarez.

R significa que menores de 17 anos devem estar acompanhados pelos pais. Já NC-17, a mais alta, não permite menores de 17 anos - nem acompanhados pelos pais.

Recentemente saiu a noticia de que o diretor se recusou a usar efeitos especiais CGI no filme.

“Não quis usar efeitos em computação gráfica no filme. Todas as cenas de terror são reais, o que deu muito mais trabalho. Tivemos altos 70 dias de filmagens. As pessoas usam CGI porque é barato e rápido, e eu não gosto disso. Pesquisei muitos truques de mágica e ilusionismo. Há um momento em que uma garota corta o braço com uma faca de cozinha - é um plano seguido, sem cortes. O público vai pensar que vamos cortar a cena, mas continuamos mostrando ela se mutilando"

O diretor comentou também a cena final:

"A última cena será a mais sangrenta da história do cinema!".


Jane Levy, Lou Taylor Pucci, Shiloh Fernandez, Jessica Lucas e Elizabeth Blackmore estão no elenco. A versão dos roteiristas Fede Alvarez, Rodo Sayaguese Diablo Cody (Juno, Garota Infernal) acompanha cinco amigos (David, Natalie, Eric, Olivia e Mia) que se hospedam numa cabana isolada numa floresta e lá descobrem o Livro dos Mortos, que liberta um espírito demoníaco que possui um por um.

Alvarez, o uruguaio que realizou o curta Ataque de Pánico! em 2009 e, ainda naquele ano, foi convidado por Raimi para fazer um longa, dirige o filme. Evil Dead - A Morte do Demônio tem estreia marcada para 12 de abril, pela Sony Pictures.




2 comentários:

  1. Anônimo2/02/2013

    Contando os dias...

    ResponderExcluir
  2. RESUMINDO...
    VAI TER CORTES NO CINEMA ENTÃO...

    ResponderExcluir