Crítica: O Açougueiro (2006) - Sessão do Medo

17 de julho de 2013

Crítica: O Açougueiro (2006)


Esse aqui passou batido, acho que pouca gente ouviu falar dele, ou assistiu. Foi lançado nas locadoras em circuito limitado em 2007, por uma distribuidora desconhecida chamada Platina Filmes. O motivo de eu fazer essa resenha é exatamente falar que se você ainda não viu ou nunca ouviu falar não perdeu nada, afinal temos que falar de filmes ruins no blog também, né? O filme é mais um desses filmes que são lançados para mofarem nas prateleiras e serem esquecidos, mas que filme ruim da porra....É mais um daqueles casos onde os produtores e roteiristas não tem cuidado nenhum em trazer algo novo, reciclando tudo que foi usado e abusado no gênero de forma mais saturada possível. Só para se ter uma ideia de quanto o filme é ruim, eu comecei a ver e não consegui continuar, parava e continuava, deu até vontade de devolver na locadora e pedir para trocar o filme de tão ruim que é essa bagaça, mas como eu sou guerreiro continuei assistindo até chegar o final. Deveria ter devolvido falando que não rodou no meu aparelho e pegar um filme melhor, mas não, o maluco aqui e masoquista e viu a porra toda até o final.




O roteiro segue o esquema já estabelecido por filmes de terror clichê, um grupo de jovens idiotas vai parar num local isolado, tendo que enfrentar um assassino que mata um por um...Vamos ser sinceros, não há nada de errado com os clichês quando são bem usados, mas quando são seguidos e óbvios demais tiram toda a seriedade que um filme poderia ter.  No enredo um grupo de 6 jovens está fazendo uma viagem rumo a lugar nenhum, numa estrada deserta. Como era de se esperar, sofrem um acidente na estrada, que acaba matando uma moça, que minutos antes estava "dando uns pega" em outra mina do grupo (!). Não vou dar detalhes da morte, mas já adianto que todas as tentativas de levar o filme a sério vão ladeira abaixo junto com a morte da tal moça, que é uma das mais toscas que eu já vi, e olha que eu manjo de tosqueira. O grupo desesperado decide fazer o obvio e procurar um telefone numa casa por ali. Mas que porra?????? Ninguém tem celular não, é? Por quê não metem o pé dali? O grupo de sortudos acaba encontrando uma casa de fazendo perto dali e decidem entrar para procurar um telefone, sem saber que ali era a casa do tal açougueiro do título, que não vai hesitar em matar todos os idiotas do grupo....




Criatividade 0, roteiro batido, situações forçadas, cenas mal feitas, personagens idiotas e uma produção tosca. Tem uma dose de violência, mas de nada serve, já que todo o resto é ruim. Eu não costumo notar as atuações, mas nesse aqui eu não pude deixar de notar como os atores são ruins. Tem uma cena que o tal açougueiro enfia uma pá na barriga de um dos personagens e o ator nem ao menos expressa dor, dizendo: "Me deixa ir embora que eu te pago, eu tenho dinheiro". HAHAHAHA É pra rir ou não é? O filme se leva a sério sim, mas é de tão mal gosto que o público não vai conseguir levar a bagaça a sério. É impossível não notar também, a influência, para não dizer cópia zuada, de As Criaturas Atrás das Paredes e O Massacre da Serra Elétrica em vários momentos, mas comparar essa tranqueira com qualquer um desses dois é heresia. Para manter o clichê o tal açougueiro é deformado também, sem motivo nenhum...

Vou fechar dizendo que se você não viu ou não conhece, não perdeu nada. É um filme sem motivos de existir, pode até entreter que não tem nada melhor para assistir ou quem só quer assistir alguma tranqueira descompromissada. É um filme ruim, que não vai agradar ninguém!

Postado por: Marcelo

8 comentários:

  1. Anônimo7/18/2013

    e eu estava pensando esses dias em baixa-lo!!! mas pelo visto é melhor não né =/

    ResponderExcluir
  2. Anônimo8/13/2013

    kkkkkkkkkkkkkkkk...pior que nunca tinha mesmo ouvido ou lido sobre esse filme, nem sabia que existia.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo5/02/2014

    Prefiro esse filme de que assisti faustão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comparação injusta, qualquer coisa é melhor que Faustão! hehehehe

      Excluir
  4. Acabei de assistir o filme, alguém poderia me explicar o final? O que a mulher dele fazia na igreja? Que crianças que ele matou? Aquela menina, afinal, é filha dele ou não? Por que aquela mulher gostava de bonecas? Achei tudo muito confuso...

    ResponderExcluir
  5. [SPOILER] Alguém poderia me explicar o filme? Tipo, que crianças eram aquelas que o cara queimava? E porque a mulher queria uma filha, se ela ja tinha a Angel? Não entendi nada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O roteiro não explica nada, é cheio de furos.

      Excluir