[Top 10] Melhores de 2013 - Sessão do Medo

27 de dezembro de 2013

[Top 10] Melhores de 2013



O fim do ano chegou e chegou também a hora de relembrar os melhores e os piores filmes do ano, como é de costume no blog. Mais uma vez eu digo que a lista que eu vou postar é uma lista pessoal de filmes que eu considero os melhores desse ano. Na categoria eu coloquei alguns de suspense também, junto com o terror, vou deixar o link das resenhas no titulo dos filmes. Então vamo que vamo!


1. V/H/S/2 
Esse me pegou de surpresa, confesso e já deixei claro que não gosto do estilo found footage e sempre reclamei da quantidade de filmes nesse estilo sendo lançados a exaustão no gênero ultimamente, achei o primeiro filme apenas bom e não levava fé nenhuma numa continuação, e não só é uma das melhores continuações já feitas como um dos melhores dos últimos anos e o melhor filme de 2013. Um filme insano, criativo e ousado. Ao meu ver é o melhor filme do ano, passando até do elogiado e hypado Invocação do Mal, outro filme excelente.


2. INVOCAÇÃO DO MAL 
James Wan acertou mais uma vez, e mostrou o potencial que tem em dirigir filmes do gênero. O filme não inova em nada, mas se destaca pelo clima criado e bem trabalhado e a boa escalação de elenco. Baseado em uma história real, o longa se passa em uma casa mal-assombrada, para onde uma família liderada por Lili Taylor e Ron Livingston se muda. Quando fica claro que uma entidade obscura os está perseguindo, eles chamam os investigadores paranormais Ed e Lorraine (Patrick Wilson e Vera Farmiga) para ajudar.


3. OPEN GRAVE
Nos 2 minutos do segundo tempo mais um gol certeiro, Open Grave, o filme que ninguém esperava, ninguém criou expectativas e ninguém sabia que seria lançado, nem que seria um dos melhores do ano. Roteiro bem trabalhado e direção afinada do diretor de Apollo 18, que se redimiu totalmente com esse filme. No enredo, um homem sem memória acorda em uma cova cheia de corpos em decomposição. Resgatado por outro grupo de desmemoriados, ele precisará descobrir como chegou lá e se ele é o responsável pelo destino daqueles cadáveres.


4. WITHER
Quem diria que um filme sueco se auto intitulando "O remake não oficial de Evil Dead" se sairia melhor que o remake oficial? Produção de baixo orçamento feito como um homenagem ao filme de Sam Raimi. Gore e maquiagem no estilo dos filmes dos anos 80, sem apelar para o CGI. Na história, Albin, sua namorada, Ida, e seus amigos são jovens de vinte e poucos anos. Durante um jantar em família, o pai de Albin fala sobre uma casa supostamente abandonada no meio da floresta. Albin e Ida veem aí uma oportunidade de se reunir com os amigos para passar um fim de semana. Todos ficam animados para conhecer a casa misteriosa. Ao chegarem, dois dos seus amigos, Markus e Marie, decidem assustar Albin entrando na casa por uma janela. Marie entra enquanto os outros tentam destrancar a porta da frente. Na casa escura, ela encontra um porão e decide explorar. Mas há algo esperando por ela…


Eu era um dos muitos que achava uma péssima ideia tentar refazer o clássico The Evil Dead com um remake, só a ideia de tentar recriar um filme clássico que foi feito com pouca grana em 81 numa produção limpinha de hoje em dia e um orçamento maior já soava mal. Mas para a surpresa geral, Evil Dead (2013) se destacou e se mostrou um bom remake. Não tentaram copiar o clássico, só pegaram a ideia principal e usaram para criar um filme com um tom e estilo diferentes. Alguns até comentaram que o filme era uma continuação ou um reboot e não um remake. O trio de produtores do filme original, Sam Raimi, Rob Talbert e Bruce Campbell produziram o filme, com a direção de Fede Alvarez.


A refilmagem de O Maniaco é outro bom exemplo de filme que se destacou por conta própria. Assim como a refilmagem de The Evil Dead, foi comentado que o tal remake não sairia algo no nível do original de 1980, um filme sujo, feito com baixo orçamento e atores desconhecidos, mais uma surpresa que saiu esse ano. O filme usa uma abordagem diferente do original, colocando o expectador na mente do assassino, com a visão subjetiva em primeira pessoa. Vemos o filme todo do ponto de vista do assassino, que persegue e mata mulheres. Elijah Wood já tinha interpretado um assassino em Sin City, mas é aqui que ele se destaca. Obs: O filme foi lançado em festivais em 2012 e em circuito comercial esse ano, por isso entra na lista de 2013.




7. UMA NOITE DE CRIME
Confesso que eu esperava bem mais do filme. A premissa é excelente e poderia ter sido mais bem explorada na trama e no desenrolar do filme, mas também não vou negar que o filme é bom ao todo. O filme se passa todo dentro do mesmo ambiente, onde todo o ano acontece durante 24 horas, a noite do expurgo, em que todo tipo de crime e legalizado e todos os cidadãos saem as ruas para assaltar, matar, estuprar, roubar, sem ser punidos.


8. EVIDÊNCIAS
Sei que a maioria, assim como eu, já se encheu de found footage, esses filmes com câmeras punheteiras que tremem demais e filmam de menos. O grande diferencial desse aqui é que isso é bem usado. Vemos imagens de gravação de uma prova de um crime que deixou várias pessoas mortas, paralelo a isso, uma equipe investiga as imagens em busca de provas que deixem claro o que aconteceu. As imagens são mostrados de vários pontos de vistas diferentes, gravados pelas vitimas do "acidente", incluindo filmagens de celular. A parte final tem uma reviravolta bem bacana que fecha o filme de forma inesperada.



Outra boa surpresa lançado esse ano, com direção de Brad Anderson (Session 9, O Operário). No enredo, uma jovem (Abigail Breslin) é sequestrada por um misterioso serial killer, e só pode contar com a ajuda de uma operadora de chamadas de emergência (Halle Berry), que descobre que esta não é a primeira vez que lida com aquele terrível assassino. Suspense desses que te prende do inicio ao fim.



James Wan acertou em cheio com dois filmes esse ano, além do Invocação do Mal, o diretor criou uma continuação para o seu, não tão elogiado, Insidious. A continuação expandiu o que foi criado no primeiro, a construção de suspense e clima sombrio funciona até mais do que o primeiro e acrescenta muita coisa ao enredo do primeiro filme.

Menção Honrosa: Guerra Mundial Z, Static, Mama, Sharknado, Thanatomorphose, Contracted, A Maldição de Chucky, Doce Vingança 2, Aftershock...

Autor: Marcelo Alves

13 comentários:

  1. Menção honrosa haha Gostei da lista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu! Menção honrosa, os que são bons, mas ficaram de fora do top 10. Em breve sai os 10 piores filmes do ano. Pode ter certeza que vai ter mais de 10 também.

      Excluir
  2. A lista ficou boa, adicionaria Mama nas menções honrosas no lugar de Sharknado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mama entrou antes do Sharknado ;)

      Excluir
  3. Invocação do Mal é Um OCEANO Melhor que VHS 2.

    ResponderExcluir
  4. todos que estão nessa lista são ótimos , recomendo

    ResponderExcluir
  5. muito boa a lista, só descordo do Cabin of the Dead ser melhor que o remake oficial de Evil Dead, o filme e bom, mas nao e melhor.

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. Não esqueci, esse entra pra lista dos piores do ano. hehehe

      Excluir
  7. muito boa legal mais faltou evil dead e carrie

    ResponderExcluir
  8. Anônimo6/28/2014

    Sharknado como mensão horrorosa? combina com o nome, filme horroroso mesmo! não sei como recomendam esse LIXO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sharknado é tão ruim, mas é tão bom!

      Excluir