Ação judicial pode atrasar produção de sequência e spin-off de Invocação do Mal - Sessão do Medo

1 de abril de 2014

Ação judicial pode atrasar produção de sequência e spin-off de Invocação do Mal


Um dos maiores sucessos do ano passado, Invocação do Mal, já está com sua continuação (Invocação do Mal 2) e seu spin-off (Annabelle) em andamento, com a sequência esperada para 2015. Contudo, no fim da última semana, uma ‘pedra’ surgiu no meio do caminho da Warner Bros. Pictures: a Evergreen Media, uma companhia, moveu uma ação contra o estúdio para impedir os dois lançamentos.


A Evergreen Media detinha os direitos sobre os arquivos de casos da vida real dos investigadores paranormais Ed e Lorrain Warren, protagonistas do longa, antes de licenciar os direitos para o primeiro filme lançado ano passado pela Warner. Agora, a denúncia diz que à Warner foram concedidos direitos limitados a seleção dos casos – menos de 1% – e das histórias de vida dos Warren e que um novo filme e um spin-off não estão cobertos pelo acordo.


A companhia acusa a Warner de estar se aproveitando do sucesso do primeiro longa-metragem, que teve direção de James Wan. O processo da Evergreen Media diz que o estúdio “agora procura colher todos os lucros negando as suas obrigações financeiras” por “falta de pagamento dos direitos fundamentais, além de roubar esses direitos para fazer outros filmes”.


Agendado para 23 de outubro de 2015, Invocação do Mal 2 ainda não tem diretor ou data de produção definidas. Agora, o destino da franquia se encontra nas mãos da justiça.




Nenhum comentário:

Postar um comentário