Filmes de Terror Baseados em Jogos - Sessão do Medo

20 de janeiro de 2015

Filmes de Terror Baseados em Jogos


Acreditem ou não... O mundo dos games superam o cinema na arrecadação de lucro. Milhões de dólares chegam aos cofres das empresas, e os games é um mercado que está ganhando cada vez mais espaço no mundo. 

E esse mundo dos videogames são, assim como o cinema, variado e cheios de criatividade. Algumas vezes uma produtora se interessa por alguma franquia de jogos e resolve fazer um contrato para adquirir direitos para criar um filme baseado naquela franquia de games. Isso é bem mais comum do que se pensa, e muitos filmes com um relativo sucesso são baseados e games... Agora, um fato é que muito desses filmes são baseados em games de terror.

Abaixo eu colocarei uma lista de alguns games que viraram filmes e tentarei fazer uma lista de possíveis games que talvez possamos conferir a sua versão cinematográfica no futuro.

1 - A CASA DOS MORTOS

É um jogo eletrônico de tiro em primeira pessoa produzida pela Wow Entertainment.

A história original começa com dois agentes do AMS (policia secreta de defesa civil), Thomas Rogan e "G". Eles foram informados sobre algo relacionado a uma invasão, mas não uma invasão qualquer. Enquanto estando em casa, Rogan recebe uma mensagem da sua namorada, Sophie Richards.Havia muitas interferências e só se ouvia: "socorro, todos estão sendo mort..." e também só se ouvia umas vozes estranhas como se fosse alguém zangado a gritar e a rugir com uma voz esganiçada. Rogan recebe logo a notíca que "alguma coisa terrível aconteçeu" na mansão curien a alguns quilômetros dali. era onde Sophie trabalha, e de onde veio a mensagem! Rogan chama "G" e logo vão para a casa. Quando chegam só veem pessoas mortas. Então vêm umas coisas entranhas: zumbis! Então o jogo começa.
O jogo de 1996 acabou ganhando outra 4 sequências além de vários Spin off. O ultimo jogo a ser lançado da franquia foi o 'The House of the Dead: Overkill'. 

Overkill serve como prequela ao primeiro jogo da série, tomando-se lugar no ano de 1991 onde o Agente Especial G (o protagonista da série The House of the Dead) recebe sua primeira missão. Com a parceria do Detetive Washington, eles são enviados para investigar a história de desaparecimento misteriosos em uma pequena cidade no estado de Louisiana, Estados Unidos, além de enfrentarem um vilão conhecido como Papa Caesar. A dupla não sabe quase nada sobre os mutantes que o esperam na cidade de Bayou.

O filme baseado nos jogos surgiu em 2003... E diferente dos jogos, o filme foi considerado uma grande porcaria onde todos os clichês possíveis foram usados. O mais curioso de tudo é que esse filme dirigido por Uwe Boll e roteirizado por Mark A. Altman e Dan Bates, ganhou uma sequência em 2005. Bem, eu não recomendo nenhum dos dois filmes, no caso do primeiro não tem como engolir as cenas absurdas de lutas... Zumbis que lutam karate, que nadam, e outros zumbis que aparecem do nada. Além disso, os personagens são fracos, sem nenhum carisma e totalmente superficiais. Os jovens festeiros de uma hora para outra viram ninjas lutando contra centenas de zumbis.  Não é a toa que ele é considerado como um dos piores filmes de zumbis da história... Realmente foi uma péssima adaptação.



FILMES

HOUSE OF THE DEAD
Sinopse: Um grupo de jovens estudantes visita a misteriosa Ilha da Morte onde séculos atrás abrigou um padre banido da Espanha por inventar um soro que engana a morte. Para o horror dos estudantes, eles encontram o padre ainda vivo. Seu passa tempo "colher" partes do corpo humano para poder sobreviver. Agora encurralados em uma ilha dominada por zumbis sedentos de sangue, se refugiam em uma antiga casa e procuram utilizar cada instrumento ou arma para se defenderem de criaturas semimortas assassinas que as rondam.








HOUSE OF THE DEAD 2, embora seja um pouco melhor do que o primeiro, não quer dizer muita coisa... Ainda temos algumas cenas absurdas e um história pouco convincente. Sem a direção de Michael Hurst e com Emmanuelle Vaugier, Ed Quinn e Victoria Pratt no elenco. Passar longe dele é uma opção a ser considerada.

Sinopse: Uma crescente infecção de zumbis toma conta de um isolado campus universitário. Com a esperança de parar a infecção e o fim da praga de zumbis, uma agência secreta do governo é enviada ao local para encontrar o Paciente Zero, o zumbi original que iniciou a infecção, e criar um antídoto. Já no campus, os agentes Alex (Emmanuelle Vaugier) e Ellis (Ed Quinn) percebem que a universidade inteira está contaminada. Em meio a uma gigantesca batalha com os zumbis, Alex e Ellis descobrem que alguns de seus colegas agentes têm seus próprios planos para o DNA zumbi.

Como vocês puderam ver nas sinopses, essa franquia é para ser esquecida pois ela não vai dar nada para você a não ser raiva. Se você gosta de ter experiência e de se arriscar... Então vá em frente e assista, mas nós não nos responsabilizamos por nada.



2 - ALONE IN THE DARK




É um jogo de computador produzido pela 'Infogrames' em 1992, que trouxe ao mundo dos jogos eletrônicos um novo gênero, o de Survival Horror. O jogo foi bem elaborado, com bom enredo, ótimos cenários, trilha sonora divertida (e assustadora) e muitas outras coisas. Para um jogo de 1992, os gráficos estão muito bons, já que a capacidade dos computadores nessa época era bem limitada. Alone in the Dark também teve uma versão lançada para o console 3DO, em 1994 e para Master System Premium em 1995.

A história do jogo começa quando Edward Carnby, um detetive de casos sobrenaturais, é contratado por Emily Hartwood para investigar a causa do suícidio de seu tio, Jeremy Hartwood, que foi encontrado morto no sotão de sua mansão, chamada de "Mansão Decerto". Chegando na mansão, Carnby e Emily, viram que a morte de Jeremy, talvez, não fosse mesmo um mero suicídio.

Alone in the Dark: New Nightmare
Alone in the Dark marcou época, e é considerado o Pai dos jogos do gênero de Terror. É graças a ele (e não talvez...), que sucessos como Resident Evil e Silent Hill tenham existido. O game fez tanto sucesso que teve outras duas continuações, tão boas quanta o primeiro game, e mais tarde uma quarta continuação, e também um filme baseado no jogo.
  
FILMES

É um filme live-action do jogo situado após os eventos de Alone in the Dark: The New Nightmare (é o quarto jogo da franquia, lançado em 2001), dirigido pelo infame diretor alemão Uwe Boll, a película foi lançada em 2005 e não tem relação alguma com a trilogia original ou com sua continuação de 2008. Ele foi muito mal recebido pela crítica, tanto pela amadora quanto pela profissional, e pelos fãs da série, sendo visto como outra péssima adaptação.


ALONE IN THE DARK: O DESPERTAR DO MAL

Sinopse: Edward Carnby é um investigador particular especializado em casos sobrenaturais. Após a morte súbita e aparentemente inexplicável de um de seus amigos, inicia uma investigação em busca de respostas. À medida em que se aproxima da verdade, traz à tona acontecimentos de seu passado, deixando-o numa situação extremamente perigosa, colocando em risco sua própria vida. Sem poder confiar em ninguém, com exceção da antropóloga Aline Cedrac, com quem teve um caso, e, do agente do governo Richard Burke, Carnby irá descobrir que, o fato de você não acreditar em alguma coisa, não a impede de existir.
O filme acabou ganhando uma sequência em 2008, mas ela não tem relação nenhuma com o filme original. E embora seja considerado melhor no quesito 'assustador' m relação ao primeiro, ele ainda sim, não é uma boa opção. O filme, dirigido por Peter Scheerer e Michael Roesch, conta com Rick Yune, Lance Henriksen e Bill Moseley no elenco.




ALONE IN THE DARK 2: O RETORNO DO MAL
 
Sinopse: Quando cai a noite, as criaturas da escuridão deixam as sombras, invadindo o mundo dos humanos. Edward Carnby, um investigador particular especializado em casos sobrenaturais, é o único homem que pode manter as pessoas seguras deste mal. Em sua segunda missão, Carnby precisa unir forças com um grupo de caçadores de bruxas para encontrar a perigosa feiticeira Elisabeth Dexter.










3 - DOOM




É um jogo de computador lançado em 1993 pela 'id Software' e um dos títulos seminais do gênero tiro em primeira pessoa. Combinando gráficos 3D com violência gráfica, ele tornou-se um tanto controverso quanto imensamente popular, com um lançamento que estima-se ter sido jogada por 15 milhões de pessoas. Além de definir muitos elementos dos games de tiro em primeira pessoa, 'Doom' estabeleceu uma sub-cultura por popularizar os jogos em rede e permitir expansões criadas pelos jogadores. O sucesso do jogo influenciou o 'boom' de jogos nos anos 90 até o ponto desses jogos serem algumas vezes chamados de "clones do Doom".

Ele teve duas sequências oficiais, são elas: " Doom II: Hell on Earth (1994)", esse tendo vários pacotes de expansão. E o "Doom 3 (2004)".

A história da série Doom começa em Marte, onde nosso protagonista está servindo. A Corporação 'Union Aerospace' está realizando experimentos secretos com teletransporte, buscando criar um portal que permita o transporte entre as duas luas de Marte, Fobos (Medo) e Deimos (Pânico).


No momento do experimento, alguma coisa dá errado. A lua Deimos desaparece por completo e forças demoníacas começam a sair pelo portal em Fobos. O esquadrão de fuzileiros do qual o Doomguy faz parte é então enviado de Marte para Fobos, onde ele é deixado para trás para proteger o perímetro, equipado apenas com uma pistola.  

Pelo rádio, ele ouve que algo aconteceu com seus companheiros, os quais foram aparentemente possuídos por demônios. Os soldados inimigos que vemos, e até mesmo matamos, no primeiro Doom, são na verdade os fuzileiros do seu próprio esquadrão, tomados pelas forças do mal.


Eventualmente o Doomguy consegue lutar contra as forças demoníacas em Fobos e chegar ao portal que leva para Deimos, apenas para descobrir que a lua de Marte agora estava no inferno. Após muita luta, ele chega ao responsável pela invasão, um demônio chamado Spider Mastermind, que planejava invadir a Terra.

Apesar de muitos dos jogadores terem lembranças aterrorizantes do chefe Cyberdemon, o chefe final do jogo é o Spider Mastermind. Quando você finalmente derrota este demônio é aberto um portal para a Terra, o qual você utiliza para escapar. Porém, Doom não tem um final feliz.

A primeira coisa que você vê ao chegar é uma invasão de demônios e uma cabeça de coelho cravada em um pedaço de madeira. Esse coelho era o animal de estimação do Doomguy, e tinha o nome de Daisy. Somente agora a verdadeira batalha contra as forças do inferno iria começar.


FILMES

O jogo gerou em 2005 um filme estrelado por Dwayne Johnson, não que o ator seja o culpado, mas, ele não convenceu no papel do protagonista. E por esse entre vários outros motivos, o filme acabou se tornando decepcionante.

DOOM: A PORTA DO INFERNO 
Sinopse: Algo estranho aconteceu em uma estação espacial localizada em Marte. A tripulação local entrou em estado de quarentena cinco, antes da comunicação com a Terra ser bruscamente interrompida. Para investigar o caso é enviada uma equipe especialmente treinada para resolver problemas inesperados, que exijam que seus integrantes entrem em ação o mais rápido possível. Só que desta vez eles não tem a menor idéia de qual é o inimigo que precisam enfrentar. 










4 - SILENT HILL


Enfim chegamos a um momento decente desse artigo... Silent Hill, um dos meus jogos favoritos. A franquia como um todo possui aproximadamente oito jogos, fora os Spin offs. E com uma boa história, personagens interessantes e um terror psicologico bem arquitetado, Silent Hill se tornou uma grande referência nos jogos de terror.

Concebido pelo projetista de jogos Keiichiro Toyama, em 1999, o primeiro Silent Hill foi lançado para o PlayStation. A história do jogo se baseia na chegada de Harry Mason a Silent Hill e, consequentemente, na procura por sua filha, Cheryl. Durante o progresso do jogo, Harry descobre que a sua filha adotada tem uma relação com a cidade nunca revelada.

A história do jogo gira em torno de Harry Mason que a sete anos atrás ele e sua esposa encontraram um bebê numa estrada e o adotaram como se fosse sua filha, eles deram o nome de Cheryl a ela. Mesmo depois que sua esposa faleceu, Harry continuou a amar Cheryl como sua própria filha.

No começo do jogo, nós encontramos Harry Mason e Cheryl, de férias, indo para Silent Hill. Estranhos eventos ocorrem antes que eles entrem na cidade. Uma policial, numa moto, passa à frente deles. Momentos depois, Harry vê a moto caída na beira da estrada e a policial não está em parte alguma. Logo depois, uma figura de uma garota subitamente aparece na estrada. Harry tenta desviar,derrapa o carro e desmaia.Quando retorna a consciência, Harry descobre que Cheryl se perdeu e ele se percebe no meio de um mal que devagar envolve Silent Hill, sem saber que a única maneira de sair dali é pelo sacrifício da própria filha.


A cidade de Silent Hill é dividida em três partes distintas: a Silent Hill normal, a Silent Hill escura e a Silent Hill alternativa. As leis da física parecem não existir na realidade alternativa, na qual a cidade mergulha de vez em quando. O chão é feito de grade sem nenhum tipo de sustentação visível (como se a cidade flutuasse, talvez para mostrar que aquela realidade não é física nem real), portas levam a lugares distantes (às vezes, separados até mesmo por quilômetros), mesmo sem energia elétrica, aparente, TVs e sons se ligam quando bem entendem e a lanterna e o rádio de Harry, apesar de portáteis, não conseguem acabar com as baterias.


Em Silent Hill, a personagem Alessa Gillespie e sua mãe Dahlia Gillespie são mostradas juntamente com outros personagens, tentando reviver o antigo culto da cidade. Dahlia tenta queimar sua filha, que tem poderes psíquicos e é chamada de bruxa no colégio, dentro de casa em sacrifício ao antigo deus do culto, Samael. Com quase 100% do corpo queimado e dominada por ódio, Alessa é levada ao Hospital Alchemilla, onde é colocada em um quarto obscuro de uma ala subterrânea para ser "tratada" e oferecida novamente em sacrifício. Mas, com seus poderes, Alessa divide sua alma em dois. Uma metade fica no hospital, dormente, sofrendo e tendo pesadelos constantes, e a outra metade é entregue nas mãos de Harry Mason e sua esposa.


Enfermeira, inimigos clássicos do jogo
Sua enfermeira pessoal, Lisa Garland, diz em um registro em video que não entende como o corpo de Alessa consegue se manter vivo com tantas queimaduras. Esta por outro lado, tem sua memória afetada durante a época de cuidado intensivo de Alessa por terem lhe sido administradas drogas pelo diretor do hospital, Dr. Michael Kauffman, que tem uma ligação de benefícios com Dahlia Gillespie.



Quando Cheryl é levada a cidade de Silent Hill, já com sete anos de idade, estranhos acontecimentos ocorrem. Alessa, já com 14 anos, acorda e sai do hospital para encontrar a sua metade. Isso ocorre quando Harry entra em um beco e é atacado por pequenos monstros chamados "Mumblers". Perdendo a consciência, ele é encontrado por Cybil Benett, a policial que ultrapassou o carro de Harry no início do jogo. Ai se inicia uma busca por sua filha perdida, que não tendo sucumbido totalmente a vontade de Alessa, deixa bilhetes para o pai, para que ele consiga seguí-la.


O Flauros é um objeto que pode acabar com os poderes de Alessa, assim como o Aglaophotis, que é apenas uma mistura de ervas sem valor no mundo real, mas que Alessa acredita ser fatal (juntamente com o Flauros, que ela acredita trazer os poderes de Metraton) e sendo criadora do submundo (devido aos pesadelos constantes que viveu durante tantos anos e que agora foram externados com a ajuda da sua outra metade), estas ervas e o Flauros são realmente fatais para os monstros.

Bom, o jogo é realmente complexo e precisa ter muita atenção para entendê-lo, assim como todos os outros jogos da franquia. 

FILMES

Lançado em 2006, dirigido por Christophe Gans, o longa se mostrou uma grande surpresa por mostrar uma história de qualidade e efeitos relativamente bem feitos acompanhados de uma boa trilha sonora e elenco.

TERROR EM SILENT HILL
Sinopse: Rose da Silva (Radha Mitchell) é uma mulher atormentada, já que sua filha Sharon (Jodelle Fernand) está morrendo de uma doença fatal. Contrariando seu marido, Rose decide levá-la a uma cidade que sempre menciona em seus sonhos quando está sonâmbula. No caminho para encontrá-la Rose atravessa um portal, que a leva à cidade deserta de Silent Hill. Lá Sharon desaparece, o que faz com que Rose procure a menina por todos os lugares. É quando Rose descobre que a aparente cidade deserta é na verdade habitada por criaturas demoníacas, que surgem de praticamente todos os lugares em que toca.

Com a boa recepção do filme, um sequência foi feita em 2012 chamada 'Silent Hill Revelations', feito em 3D, infelizmente, mesmo com seis anos de diferença, o filme acabou decepcionando por ter um roteiro corrido demais tornando algumas situações bem... 'estranhas', como o fato da personagem se livrar dos monstros com muita facilidade. Contudo, o filme ainda é uma boa pedida, pelo menos para ver em seguida do primeiro já que ele é uma sequência direta do mesmo e trazendo alguns personagens do original para ele.
 
SILENT HILL: REVELATION
Sinopse: A jovem Heather Mason passou a vida fugindo, ao lado do pai, de forças que ambos nunca compreenderam muito bem. Mas quando seu pai desaparece misteriosamente, a jovem se depara com uma estranha e terrível realidade que guarda respostas sobre os pesadelos que a infernizam desde a sua infância. Não demora até que Heather descubra que não é a pessoa que imaginava ser, com a ameaça de ficar aprisionada em sofrimento eterno para sempre.
 
  











5 - RESIDENT EVIL





E por fim chegamos ao filme mais questionado que existe nesse quesito. Por um lado estão os fãs fervorosos dos jogos que repudiam a franquia de filmes dirigida em sua maioria por Paul Anderson e estrelada por sua mulher, Milla Jovovich. E por outro lado tem os fãs dos filmes que não se importam que a trama do longa tenha fugido (e muito) da história dos games.

Resident Evil ou Biohazar é uma franquia de mídia que pertence à empresa de videogames Capcom. Foi criada por Shinji Mikami como uma série de jogos de survival horror, iniciada em 1996 com Resident Evil para PlayStation. Desde então, a série de jogos passou a incluir o gênero ação e até agora já vendeu 55 milhões de unidades.

O primeiro jogo da série se inicia na noite de 24 de julho de 1998, onde nas Montanhas Arklay, houve uma série de assassinatos beirando o canibalismo.

Para investigar estes assassinatos foi enviado um grupo dos S.T.A.R.S.(unidade tática da cidade de Raccoon City). Porém, assim que o 'Bravo Team' (o nome de um grupo dos S.T.A.R.S) começa a sobrevovar as florestas de Arklay, eles perdem contato com a base policial. 

Para localizar o 'Bravo Team', foi enviado o 'Alpha Team'. Ao pousarem perto de uma mansão desconhecida, um integrante de equipe, Joseph Frost, encontra uma mão decepada, e logo é atacado por cães, que o matam. Ao tentarem correr para o helicóptero, o piloto, Brad Vickers, desesperado, foge deixando o resto da equipe cercado. Eles conseguem correr para dentro da mansão. 
 
Com os cães vagando no lado de fora, os quatro membros restantes do Alpha (Chris Redfield, Jill Valentine, Barry Burton e Albert Wesker) se vêem presos lá dentro. Neste ponto, o jogador assume o controle do personagem e começa sua jornada pela sobrevivência. 

Uma das primeiras descobertas é um membro do Bravo, Kenneth J. Sullivan, sendo comido por um zumbi. O personagem eventualmente imagina que a mansão esteja abandonada, cheia de enigmas e armadilhas. Documentos e arquivos espalhados pela casa sugerem que uma série de experimentos e atividades criminosas estavam sendo realizadas na propriedade, sob a autoridade do conglomerado farmacêutico Umbrella Corporation. 

As criaturas vagando dentro e fora da mansão são os resultados dessas experiências, que têm exposto seres humanos, animais e insetos a um altamente contagioso e mutagênico agente biológico conhecido como o "T-Vírus". Depois de adentrar em uma série de túneis e salas, o jogador descobre um laboratório subterrâneo contendo detalhadamente os experimentos da Umbrella. 

No laboratório, Albert Wesker (capitão do Alpha Team) revela ser um agente da Umbrella e liberta o Tyrant T-002, uma criatura humanóide criada por meio da exposição prolongada ao T-Vírus. Tyrant vai em direção de Wesker e o ataca, aparentemente, matando-o. Após o "assassinato" de Wesker, um programa de autodestruição é acionado. 

Tyrant encontra os S.T.A.R.S., que respondem à tiros. O jogador pede resgate ao helicóptero. Resistindo aos disparos feito pelos S.T.A.R.S., Tyrant é finalmente morto quando o piloto, Brad Vickers, joga um lança-foguete para o jogador. Os S.T.A.R.S. escapam e logo em seguida a mansão explode.

O jogo possui aproximadamente oito sequências, fora Spin offs, remakes e prequels. Inicialmente o jogo era de terror onde o jogador tinha que sobreviver e lutar por sua vida... Atualmente os jogos se tornaram mais de ação onde a luta pela vida ficara em segundo plano.

Filmes

Os filmes praticamente ignoraram a trama original dos jogos. Uma das poucas semelhanças com os games são os nomes dos personagens e da empresa 'Umbrella Corporation'.    

RESIDENT EVIL: O HÓSPEDE MALDITO
Sinopse: Num laboratório de alta tecnologia (Umbrella), um vírus acaba contaminando todo o sistema. O sistema é controlado pelo super-computador denominado: "Red Queen". Com a contaminação, o "Red Queen" acaba "selando" o laboratório. Todos os cientistas ficam presos, e acabam infectados pelo vírus. As pessoas infectadas pelo vírus viram Zumbies, e todas as pessoas que esses monstros mordem acabam virando a mesma criatura. Agora Alice (Milla Jovovich) e Rain (Michelle Rodriguez), líderes de um esquadrão militar especial invadem o laboratório. Alice tem apenas três horas para selar o laboratório, ou todo o planeta será infectado. Alice irá descobrir, ainda, que os zumbis não são a única forma letal de vida presente no local.

Muitos consideram esse como o melhor da franquia por ser o filme que mais contém suspense e por sua história ser considerada como uma prequel aos eventos do primeiro jogo da franquia.

RESIDENT EVIL: APOCALIPSE
Sinopse: Desde que foi capturada pela Corporação Umbrella, Alice passou por várias experiências biogênicas. Ela teve seus genes modificados, o que fez com que adquirisse poderes, sentidos e agilidade sobre-humanos. Agora ela precisa retornar à cidade de Racoon, onde recebe o apoio de Jill Valentine e Carlos Olivera que precisam resgatar uma menina que pode ter a chave para a cura do T-vírus que contaminou toda a cidade. Mas, eles precisa ser rápidos. A Umbrella Corporation planeja jogar uma bomba nuclear na cidade para dizimar o vírus e qualquer evidência dele para se safar do que fez. 







RESIDENT EVIL: EXTINÇÃO
Sinopse: O T-Vírus experimental, criado pela Umbrella Corporation, foi liberado no mundo, transformando a população em zumbis que se alimentam de carne humana. Com as cidades sem segurança alguma, Carlos Olivera e L.J., juntamente com as sobreviventes K-Mart e Betty, reúnem um grupo e fogem pelo deserto, em um comboio blindado. Eles procuram outras pessoas que não estejam infectadas, mas apenas encontram outros mortos-vivos. O grupo é acompanhado pelo dr. Isaacs, que está num complexo laboratorial subterrâneo da Umbrella Corporation, escondido sob uma torre de rádio abandonada em Nevada. Isaacs acompanha também Alice, que, após ser capturada pela Umbrella, foi submetida a um teste biogenético que alterou sua configuração genética. Agora transformando-se constantemente e sob o risco de ser traída pelo seu próprio corpo, Alice segue o comboio e tenta conduzi-los ao seu destino: o Alasca, onde acreditam que estarão livres dos zumbis. Esse é o filme que mais foge  da história dos jogos.

RESIDENT EVIL: RECOMEÇO
Sinopse: Na trama, Alice continua em sua missão de procurar e proteger todos os sobreviventes que puder encontrar. Com a ajuda de uma velha amiga, ela tenta levá-los para Los Angeles, lugar que acredita ser seguro, até que a cidade é invadida por milhares de mortos-vivos. Agora, Alice deve salvá-los não só dos zumbis, mas também de sua violenta guerra com a Corporação Umbrella.

Esse filme ignora muitas situações vista na parte 3 e por esse motivo ele acaba ficando um pouco sem sentido. A história do sangue dela ser cura some nessa parte. Nunca ouvimos falar em 'Arcadia' em a Extinção, e Alice matar todos os seus clones numa invasão a Umbrella foi muito desnecessário. Parece que o roteirista quis se desfazer da situação imposta no fim do capítulo anterior.




RESIDENT EVIL: RETRIBUIÇÃO 

Sinopse: O letal vírus T da Umbrella Corporation continua devastando a Terra, transformando a população global em legiões de desmortos. A última esperança da raça humana, Alice (Milla Jovovich), desperta dentro do coração da mais clandestina instalação de operações da Umbrella e descobre mais sobre seu misterioso passado, a cada passo dentro do complexo. Sem um porto seguro, Alice continua a caçar os responsáveis pela contaminação uma perseguição que a leva de Tóquio para Nova York, Washington e Moscou, culminando em uma revelação que a forçará a repensar tudo aquilo que ela acreditava ser verdade. Ajudada por novos e velhos aliados, Alice deve lutar para viver o suficiente, até que consiga escapar de um mundo hostil no limite da destruição.





Bom, é isso... Acredito que a maioria dos filmes que foram citados acima, o publico conhece. Provavelmente nós ainda ouviremos falar de um 'Resident Evil 6', 'Silent Hill 3' ou 'House of the Dead 3' para os cinemas. Mas isso é questão de tempo e não tem nada confirmado. 

E para completar, ainda existe outro ponto a ser comentado. Os jogos de terror que ainda podem virar filmes, existem alguns com esse potencial adaptativo. Abaixo eu comentarei sobre alguns com esse quesito.  

Aviso: A lista abaixo foi feita através de uma pesquisa feita onde cinco fãs dos games elegeram os seus 'top 5 jogos que podem virar filme', levando em conta quesitos como: Receita do jogo no mercado, notícia de possíveis adaptações para o cinema, quantidade de continuações dos jogos e qualidade dos mesmos. 

1 - ALAN WAKE


É um jogo eletrônico de ação baseados em histórias do gênero horror

psicológico, desenvolvido pelo estúdio Remedy Entertainment e publicado pela Microsoft Game Studios, lançado para Xbox 360 em 2010 e lançado para Microsoft Windows em 2012. A trama gira em torno de Alan Wake, um escritor de Bestsellers de horror psicológico, tentando descobrir os mistérios por trás do desaparecimento de sua esposa enquanto estavam de férias em uma cidade pequena chamada Bright Falls, em Washington, onde ele vivencia os eventos de seu último livro que ele não lembra de ter escrito. A critica do jogo alegou que o jogo é perfeito e deu a ele notas elevadas e dando grandes elogios a respeito.

2 -  THE EVIL WITHIN


 É um jogo desenvolvido pela Tango Gameworks e publicado pela Bethesda

Softworks do gênero survival horror. Quando o detetive Sebastian com seu parceiro , chegam ao local onde ocorreu um horrível assassinato brutal em massa, uma força poderosa e misteriosa estava a espera deles. Testemunhando as intensas mortes dos seus colegas policias, uns após outros, Sebastian é atacado e perde a consciência. Ao acordar numa terra onde os monstros vagueiam, ele tem que lutar no seu caminho através de um mundo de morte e loucura, para entender o que está acontecendo. Sebastian tem que enfrentar os seus medos, para sobreviver numa jornada para descobrir o que está nas sombras daquela força misteriosa.

3 - FATAL FRAME


É um jogo de video game lançado para o PlayStation 2 e Xbox, o jogo é do estilo Survival horror. Nove dias se passaram desde que Mafuyu Hinasaki, irmão de Miku Hinasaki, desapareceu. Tudo isso começou há um mês atrás. A mídia noticiou que o novelista Junsei Takamine havia desaparecido enquanto fazia pesquisas para a criação de sua nova novela, e Mafuyu, um aspirante à jornalista, percebeu que tinha algo errado. Mafuyu, então, decide começar a procurar por Junsei, e essa busca o leva a uma mansão abandonada. A Mansão Himuro localiza-se silenciosa e imponente, embrenhada numa floresta. Uma lenda dizia que essa mansão pertenceu à um rico latifundiário, que tinha o controle absoluto da área. Mas agora, a mansão não passa de uma sombra destruída pelo tempo. Ao que Mafuyu explora a mansão, ele acha recados em papéis escritos pelo próprio Junsei e sua equipe. Esses recados remetiam um número de eventos misteriosos que aconteceram no passado negro da mansão. Para descobrir mais sobre o que aconteceu com a mansão e com Junsei, Mafuyu se embrenha cada vez mais na mansão, e percebe que ele não está sozinho. Miku foi para a Mansão Himuro para achar seu irmão. E ela não fazia ideia no que estava se metendo.


4 - The Last Of US



É um jogo eletrônico em terceira pessoa com elementos de survival horror. Foi desenvolvido pela Naughty Dog, e lançado mundialmente no dia 14 de Junho de 2013 para PlayStation 3. The Last of Us começa numa zona de quarentena em Boston, vinte anos depois que uma praga devastou tudo. Vinte anos depois, Joel tem que levar Ellie a um grupo que se chama 'Vagalumes', pois a jovem tem em seu organismo o que pode ser a cura para a praga. O grupo parte por áreas perigosas enfrentando infectados e assassinos para dar uma esperança a humanidade.

Quem já viu ou jogou o jogo pode reparar que ele é praticamente um filme. Ele tem uma abordagem interessante e um final com gancho para uma possível continuação. 


5 - DEAD SPACE 


 É um jogo eletrônico de tiro em terceira pessoa do gênero survival horror desenvolvido pela Visceral Games para PlayStation 3, Xbox 360 e Microsoft Windows e lançado pela EA em outubro de 2008. Dead Space teve uma recepção positiva tanto comercialmente como na crítica. Xbox World 360 premiou a versão em Xbox 360 em 91 de 100, dizendo que o jogo era uma experiência de roer as unhas, conduzida por um roteiro que vale um filme e cenário inspirador.






Além desses citados acima é provável que venha um reboot de 'Resident Evil' sendo mais fiel aos jogos, mas isso só acontecerá quando a saga de Paul Anderson protagonizado por Milla Jovovich, acabar (o fim da franquia de Anderson vai acabar no seu sexto filme). É claro que existem muitos outros jogos a serem considerados, mas não tem como colocar todos aqui. Bom, é isso gente, agora é só esperar para ver quais filme vão sair dos jogos e invadir as telas dos cinemas.


Por: Michael Kaleel. 

Agradecimentos a Henrique Celote e a Edu Aurrai que me ajudaram a criar este artigo. 

2 comentários:

  1. Anônimo1/24/2015

    sobre Resident Evil, a Capcom não permitiu que fossem feitos filmes iguais aos jogos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, mas quando eu me referi ao reboot ser mais fiel aos jogos, me referi nos elementos criaturas, e personagens. Tipo, a Capcom proibiu que filmes contando as histórias dos jogos fossem feitos, mas não impediu que eles usem os personagens para outras histórias, isso está no contrato. Tanto que eles são usados nos filmes de Anderson. E vamos encarar, nada que eles fizerem pode se distanciar mais da história original do que os filmes estrelado por Jovovich. Espero que tenha me entendido.

      Excluir