[Top 10] Filmes de Bruxa - Sessão do Medo

26 de julho de 2016

[Top 10] Filmes de Bruxa


A Bruxa tá solta em 2016!!! Depois da estreia bem sucedida de A Bruxa, que arrancou elogios e críticas positivas onde passou e da também bem sucedida estreia surpresa do próximo A Bruxa de Blair, nada melhor que listar 10 filmes envolvendo bruxaria, bruxas e caipirotagem. A lista é uma seleção pessoal minha e está em ordem de preferencia em ordem decrescente.

#10º Lugar: Olhos de Fogo (Eyes of Fire, 1983)


Um grupo de pioneiros do oeste americano se depara com estranhos acontecimentos noturnos numa floresta. Uma misteriosa garota conhece os segredos desses sinistros acontecimentos e o mundo ao qual pertencem e pede aos invasores que abandonem a floresta. Só as forças da noite tem a resposta para algumas perguntas.

Injustamente esquecido por muitos, Olhos de Fogo voltou a memória após o lançamento de A Bruxa. O filme recria lendas antigas de florestas amaldiçoadas e de bruxa que mata crianças e prende as almas em árvores. O filme foi lançado em VHS no Brasil pela extinta Jangar Video Fimes e chegou a sair em DVD pela London/Dark Side e atualmente está fora de catalogo!

#09º Lugar: Warlock - O Demônio (Warlock, 1989)


-"You tellin' me you're a witch? You ain't no witch! Witches are girls!"
-"Some are men."
- "Yeah? So where's your broomstick?"

Com esse dialogo icônico tá explicado porque Warlock entra na lista. Não temos bruxas e sim um bruxo. É a mesma coisa, não?

Na Boston do século XVII, a população assiste a condenação de um rapaz acusado de pactuar com o demônio. Mas ele é misteriosamente transportado para a Los Angeles de nossos dias, disposto a reunir as três partes da Bíblia do demônio e usurpar o poder de Deus.

Warlock é sem dúvida um dos melhores filmes sobre o tema bruxaria. Feito de forma fantástica, sem se limitar a conveniências do terror. Tem também bastante influencia de O Exterminador do Futuro.

O filme ganhou duas continuações. O ótimo Warlock 2 - Armaggedon e o horrendo Warlock III - O Fim da Inocência. Esse ultimo sem o Julian Sands no papel principal.

#08 - Häxan: A Feitiçaria Através dos Tempos (Häxan, 1922)


Häxan documenta as perseguições movidas contra as feiticeiras numa Europa atravessada pela intolerância religiosa.

O filme é narrado em primeira pessoa, como se o diretor desejasse demonstrar uma tese, assim enunciada: “A crença nos maus espíritos, feitiçaria e bruxaria é o resultado de ingênuas noções sobre o mistério do universo”. Torturas, possessões e rituais de Sabá são aqui dramatizados numa narrativa de docudrama, ilustrando uma série de analogias entre o mundo moderno e o período da Inquisição. Obra-prima do cinema fantástico, realizado numa época em que não havia censura. São visíveis as influências pictóricas de Hieronymus Bosch e Bruegel.

Entra na lista por ser um dos filmes mais misticos que eu já vi na vida. Começa como um documentário comum sobre bruxaria, relatando a prática durante a histórias e logo é mostrado várias imagens fictícias bizarras de rituais com participação do próprio Lucifer!

#07º Lugar: Enfeitiçados (Spellbinder, 1988)


Assim como Olhos de Fogo, Spellbinder também foi esquecido com o passar dos anos. No Brasil continua inédito em DVD.

Na trama, um advogado bem-sucedido salva bela mulher de um assalto numa rua deserta de Los Angeles. Ele se apaixona por ela sem saber que sua amada está ligada a uma seita satânica que quer raptá-la para usá-la em ritual demoníaco.

Filme bastante subestimado. Embora tenha envelhecido um pouco, continua bem eficiente, evolvente e com um desfecho espetacular!

#06º Lugar: Sangue Demoníaco (Pumpkinhead, 1988) 



A vida de Eddie Harley toma um novo rumo quando um grupo de jovens da cidade decide passar um fim de semana no campo. No caminho eles terminam parando na loja e aproveitando para fazer um irresponsável racha de motos pelas imediações desérticas. Eddie tem que ir à cidade buscar uma mercadoria e pede ao filho Billy que fique com seu cão dentro da loja e longe dos visitantes e suas motos. Entretanto o pior não tarda a acontecer, quando o menino decide ir atrás do cachorro que escapa em perseguição às motos: incapaz de desviar a tempo, um dos rapazes atropela e mata Billy.
Em busca de vingança, Eddie procura pela feiticeira Haggis, que todos dizem ter poderes sobrenaturais, e ela ressucita Pumpkinhead para vingar o filho de Harley. Então, o filme mostra o demônio caçando e exterminando os jovens com requintes de crueldade e um prazer diabólico.

O destaque se dá pelo cuidado com a impressionante e quase real criatura com efeitos de maquiagem dignos de Stan Winston.Um filme ótimo que apesar de ser rejeitado pela crítica, agrada os fãs do gênero

#05º Lugar: A Filha de Satã (Burn Witch, Burn, 1962)


Cético professor universitário é contrariado pela crença de sua esposa na feitiçaria, prática que conheceu em uma viagem à Jamaica. Ele tenta convencê-la a abrir mão disto, mas a mulher está cada vez mais obcecada em arrodeá-lo de amuletos e outros aparatos de magia para que tenha sucesso profissional.

Conheci essa pérola no box Obras Primas do Terror 4 lançado pela Versátil. Até então eu não conhecia. O filme infelizmente é pouco lembrado hoje em dia. Merece total atenção e status de clássico.

#04º Lugar: A Máscara de Satã (Black Sunday, 1960) 



Na Idade Média, a princesa Ada (Steele), acusada de bruxaria e práticas de vampirismo, é condenada a uma morte terrível: inquisidores cruéis cravam em sua face uma máscara amaldiçoada repleta de lâminas pontiagudas (a máscara do demônio, naturalmente). Mas antes que eles o façam, a bruxa ameaça a todos e promete voltar para se vingar e dar continuidade a seu legado de sangue e horror.

Essse filme é fantástico!!!! Um dos grandes filmes do mestre Bava e sem dúvida um dos melhores filmes com esse tema. Imagens, atmosfera, tudo é fenomenal. Espetacular!!!!

#03º Lugar: A Bruxa de Blair (The Blair Witch Project, 1999) 



Três estudantes de cinema embrenham-se nas matas do estado de Maryland para fazer um documentário sobre a lenda da bruxa de Blair e desaparecem misteriosamente. Um ano depois, uma sacola cheia de rolos de filmes e fitas de vídeo é encontrada na mata. As imagens registradas pelo trio dão algumas pistas sobre seu macabro destino.

Talvez o filme mais influente dessa lista. Ajudou a consolidar o estilo de filmagem em primeira pessoa que virou febre depois dos anos 2000. Não foi o primeiro filme a usar o estilo, mas certamente foi o filme que mais soube tirar proveito disso a favor do filme. O filme mexe com o medo do desconhecido e usa a sugestão a favor do filme. Quem diria que uma simples floresta, sons e escuridão seriam tão assustadores?  

#02º Lugar: Supiria (Suspiria, 1977) 


Susan (Harper) é uma jovem americana que viaja para a Europa para estudar numa prestigiada escola de Balé. Desde o primeiro dia, porém, ela começa a se assustar com estranhas situações que ocorrem no local que a fazem crer que há bruxas por todas a parte.

Primeira parte da Trilogia das 3 Mães. Bastante influenciado por Mario Bava, o filme tem elementos de Giallo misturado com filme sobrenatural. É fenomenal não só visualmente! As cores, a trilha sonora, o clima do filme, é tudo muito bem trabalhado. Há divergências sobre o terceiro ato do filme. Há quem goste e há quem odeie, mas nada que tire o mérito do filme!

#01º Lugar: A Bruxa (The VVitch, 2015) 



O filme é situado na Nova Inglaterra, no ano 1630, e é narrado pela jovem Thomasin. Após a mudança de sua família para a nova casa, coisas estranhas começam a acontecer: animais tornam-se malévolos, a plantação morre e uma criança desaparece aparentemente possuída por um espírito maligno. Desconfiados e paranoicos, os membros da família acusam a adolescente de praticar feitiçaria.

A Bruxa é um filme atmosférico, sutil e com um clima incomodo. O diretor conduz toda a trama de forma lenta e com uma tensão gradual, clima que nunca é quebrado durante o filme. O filme também é cheio de simbolismos e cenas envolvendo crenças e inspiradas em artigos sobre bruxaria no começo do século XVII. Assim como A Bruxa de Blair, o filme aposta bastante no atmosfera e faz isso perfeitamente.

Menções Honrosas:
Jovens Bruxas,  
Bruxa – Encontros Diabólicos 
A Floresta
Floresta Negra 

5 comentários:

  1. Anônimo7/30/2016

    bacana essa lista! sei que nao tem nada ver com a proposta mas... na menção honrosa poderia ter incluido a serie Salem.
    ASS: Davikyuss

    ResponderExcluir
  2. Gostei do comentario anterior; realmente Salem é muito top.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo8/09/2016

    Gostei do comentario anterior que fez mençao à série Salem; realmente Salem é muito top!!!

    ResponderExcluir
  4. Anônimo2/08/2017

    Se o n 1 e a bruxa (2015)....imagina o resto

    ResponderExcluir
  5. Esse "A Bruxa" que ficou em primeiro é horrível. O filme acaba e o filme não acontece, você prefere seu tempo num drama cansativo e melancólico.
    O que fez esse filme um "sucesso" foi o marketing demasiado e enganoso.

    ResponderExcluir