5 curtas horripilantes de David F. Sandberg, o diretor de Annabelle 2! - Sessão do Medo

7 de setembro de 2017

5 curtas horripilantes de David F. Sandberg, o diretor de Annabelle 2!


Diretor de Quando as Luzes se Apagam (2016), Annabelle 2: A Criação do Mal (2017) e do futuro filme do Shazam, personagem dos quadrinhos da DC Comics, David F. Sandberg pode não ser um completo desconhecido no cinema. Porém, o que poucos sabem até hoje é que, antes de estrear na tela grande, o sueco já vinha mantendo uma carreira bastante prolífica de curtas-metragens de terror - eles estão disponíveis no canal do diretor no Youtube, que, inclusive, é recheado de making-offs em que ele comenta os bastidores das suas produções.

Contando com a sua esposa como protagonista (a atriz e produtora Lotta Losten, que também faz participações especiais nos longas de Sandberg), histórias de poucos minutos, roteiros que dispensam diálogos e truques de fotografia e som, o cineasta mostra que não é preciso muito para causar medo. A prova disso são esses cinco curtas que selecionamos:

Lights Out (2013)




Lights Out é, sem dúvida, o curta mais famoso de David F. Sandberg - foi exatamente ele que inspirou Quando as Luzes se Apagam, primeiro longa-metragem do diretor. E a fama de Lights Out não é à toa: o filme é realmente muito bom e quem disser que não se assustou nem um pouquinho vai estar mentindo!

O curta tem menos de três minutos e traz uma mulher que nota uma presença estranha sempre que apaga as luzes. Bem, o que acontece depois é melhor vocês descobrirem por conta própria.

Cam Closer (2013)




Uma câmera de celular que mostra mais do que deveria e uma personagem que se deixa levar pela curiosidade. Apesar de ser um dos mais fracos do diretor, Cam Closer garante, ao menos, um bom susto!

Pictured (2014)





Um porta retrato sinistro e ruídos estranhos à noite. Com tão pouco, Sandberg consegue entregar um curta bastante criativo e igualmente assustador. Depois de assistir a Pictured, você nunca mais vai olhar do mesmo jeito para os retratos pendurados na parede da sua casa.


Attic Panic (2015)




Quando uma simples ida ao sótão se torna um pesadelo agonizante. Esse é o melhor jeito de descrever Attic Panic, cujo clímax envolve um lençol que - para o desespero da personagem e do espectador - parece nunca ter fim. Ficar indiferente a esse curta é quase impossível.

Closet Space (2016)




O que você faria se descobrisse que um closet na sua casa tem a capacidade de duplicar qualquer coisa? Este curta não causa o mesmo impacto que os outros, mas vale a pena de ser visto pela ideia criativa e pela participação especial de David F. Sandberg.

Nenhum comentário:

Postar um comentário