Crítica: Eu Sei O Que Vocês Fizeram no Verão Passado (1997) - Sessão do Medo

14 de julho de 2015

Crítica: Eu Sei O Que Vocês Fizeram no Verão Passado (1997)


Enquanto a América era aterrorizada por Ghostface após o sucesso de Pânico (1996), várias produtoras procuraram novas produções para representar o teen slasher que virou febre no final dos anos 90. A Sony achou sua oportunidade ao adaptar o livro de Lois Duncan "Eu Sei O Que Vocês Fizeram no Verão Passado", usando o roteiro de Kevin Williamson (escritor de Pânico) que ele havia feito antes de trabalhar no filme do Ghostface.

Portanto, vários aspectos foram mudados, inclusive o assassino com o gancho que não estava presente no livro, sem falar que ninguém morre no livro! Apesar de não ter tido o mesmo sucesso estrondoso de Pânico - nem chegar aos pés dele -, Eu Sei O Que Vocês Fizeram no Verão Passado ajudou a consolidar o teen slasher no gênero de terror.

O papel principal é de Jennifer Love Hewitt, que faz Julie James, uma jovem que está se formando, junto com seu namorado Ray (Freddie Prinze Jr.), sua melhor amiga Helen (Sarah Michelle Gellar) e o namorado dela, Barry (Ryan Phillippe). Comemorando um dos últimos momentos juntos antes de seguirem seus próprios caminhos, durante o 4 de Julho, eles acabam atropelando acidentalmente um homem. Preocupados em serem presos ou algo do tipo, os jovens jogam o corpo no fundo de um rio e fazem um pacto para nunca mais falarem disso.

Um ano depois, Julie volta para sua cidade natal para passar o 4 de Julho, quando recebe um bilhete escrito "Eu sei o que vocês fizeram no verão passado!". Assustada, ela se reconecta com Helen, Barry e Ray, quando os quatro começam a ser ameaçados por um homem com capa de pescador e um gancho na mão.



Gostando ou não, Eu Sei é um ótimo - e típico - teen slasher. Ele pode não ser tão criativo ou afiado como Pânico, mas pense por esse lado: ele não foi feito pra isso. Ele foi feito pra ter um assassino "icônico", matando os personagens, ter uma protagonista que sofre, cenas de suspense e alguns jump scares. Tem bastante gente que não o considera um bom filme e até entendo seus motivos. O roteiro é cheio de clichês e não há muita coisa nova em jogo, mas o filme não deixa de ser divertido.

O filme também possui uma das melhores cenas de perseguição do gênero, protagonizada pela Sarah Michelle Gellar, no papel de Hellen Shivers. A sua personagem é extremamente carismática e rouba toda a atenção da sem graça da Julie, portanto sua cena de morte tem um impacto bem maior no público. Até mesmo hoje, 20 anos após seu lançamento, a cena é eficiente, contagiante e deixa qualquer um nervoso e agoniado. Impossível não ficar gritando "Vai, corre!!! COOOORREEEE!!!".


Além de algumas situações bem "surreais" (que viriam a piorar em Eu Ainda Sei), a maior falha de Eu Sei é que os personagens (exceto a Helen) são meio superficiais e não são carismáticos o suficiente para que nos importemos o bastante com eles, do jeito que foram os de Pânico (ok, parei). Infelizmente, esse é um dos fatores que não contribuem com o filme.

Eu Sei pode não ser um filme original, que revolucionou o slasher nem nada, mas ainda assim, é um dos representantes dos anos 90 nesse quesito. Tem o elenco repleto de rostinhos bonitinhos e até alguns que são mais conhecidos hoje do que naquela época (alguém reconheceu o Leonard de The Big Bang Theory?), algumas cenas tensas e a Sarah Michele Gellar. Portanto, não é um filme pra se reclamar tanto.

Título Original: I Know What You Did Last Summer
Ano: 1997
Duração:
Direção: Jim Gillespie
Roteiro: Kevin Williamson
Elenco: Jennifer Love Hewitt, Freddie Prinze Jr, Sarah Michelle Gellar, Ryan Phillipe, Anne Heche, Bridgette Wilson